MARIANGELA BARRETO
POESIAS E DELIRIOS
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links
Textos
Em algum lugar o silencio 
me  sussurra
que precisa gerar a paz
porque está gravido de poesia.
Ele me conta que precisa renascer,
libertar-se do borburinho do mundo,
fazer a passagem 
porque está cheio de vida e luz.
O silencio é assim, totalidade e plenitude,
arma poderosa quando se expressa
recriando vida, recomeçando caminhos,
alimentando a alma..


 
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 24/10/2020
Alterado em 24/10/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários