MARIANGELA BARRETO-
POESIAS E DELIRIOS
CapaCapa TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Hoje minha poesia 
acordou agressiva
aborrecida, reclamou da vida
queria partir sem destino,
xingou, blasfemou
gritou comigo, ameaçou-me
ficou histérica, amaldiçoou Deus,
Minha poesia querida
tão cansada e ferida,  
de tanto amor,
enlouqueceu.
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 05/11/2019
Alterado em 05/11/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários