MARIANGELA BARRETO-
POESIAS E DELIRIOS
CapaCapa TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Minha dor transborda para dentro,
tento me enganar fingindo ser forte
reprimo os soluços e lágrimas
que implodem dentro de mim.
Como sanar o vazio terrivel 
da tua ausencia 
como justificar o silencio da tua voz?
quero gritar minha tristeza 
 ensandecer enlouquecer transcender
não adianta, nada resolve 
nada me salva a não ser as palavras
por onde canalizo um pouco da dor.
Não adianta chorar, desesperar,
nada vai mudar a realidade,
voce partiu  não vai mais voltar,
enquanto eu fico aqui 
morrendo aos poucos
evanecendo de saudade...
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 24/10/2019
Alterado em 24/10/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários