MARIANGELA BARRETO-
POESIAS E DELIRIOS
CapaCapa TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


A minha jornada eu não a procuro
ela vem a mim pura, profana, inteira
sussurra em meu coração alado,
você me quer? possua-me vem,
eu nada exijo eu nada espero
simplesmente me entrego 
completamente simples e desnuda
leve e brilhante como o sol
filhos da luz que somos, todos nós.

Vem, eu te quero, você me quer?
você me sente, escuta, aceita?
então vem te entregue a mim
ao amor, eterno sopro da vida
que nos permite viver ,
sejamos somente um
nesta jornada,
única, simplesmente! 
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 08/01/2019
Alterado em 09/01/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários