MARIANGELA BARRETO-
POESIAS E DELIRIOS
CapaCapa TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Amo perder-me neste universo 
de infinitas possibilidades
nele me sinto nuvem, me sinto coisa,
me sinto tudo me sinto  nada,
sou imensidão
brinco, dou cambalhota, grito, canto
sou criança, sou gato, sou chuva
sou o que quiser, algo, alguem ou coisa qualquer
me sinto livre, solta, dona de mim, 
dona do tempo, do meu pensamento... 
possibilidades e arrepios, brincadeira da alma
criança e menina, sem culpa, sem pecado,
sem distinção nem consideração, 
eu sou eu simplesmente, livre, independente 
sou um raio, arisco, nascendo, sendo
muito além do que eu penso,
cocriando neste universo que vislumbro
e me entrego completamente ...
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 21/05/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários