MARIANGELA BARRETO-
POESIAS E DELIRIOS
CapaCapa TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Quem me vê por fora
oh! aparencia,
não entende nada de essencia,
pensa que brilha nos meus olhos, amor
mal sabem os estranhos
que neles brilham  pavor,
indiferença e rancor.
Mas continuo firme, assim ereta
sorrio alto, sem franzir a testa
falo filosofias, declaro poesias
mas por dentro me mato
escalpelo a falsidade,
a ansiedade, a animosidade
eu fingo sim,
 cumpro meu ciclo,
aguardo meu tempo, 
sem expectativa, sem magia
vivendo por viver...

 
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 15/10/2017
Alterado em 15/10/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários