MARIANGELA BARRETO-
POESIAS E DELIRIOS
CapaCapa TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Sobrevivem aves daninhas no meu pensamento
por mais que eu tente elas resistem
tento todos os dias afastá-las, tomo antidotos
mas basta abrir os olhos e ouvir barulhos
do mundo
elas retornam e iniciam o voo ameaçando a paz.

Eu retorno, revejo, revisito a origem
busco saidas, armo armadilhas
algumas alvejo mas outras não caem
sobrevivem aves daninhas no meu pensamento
um dia talvez não retornem jamais...  
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 27/09/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários