MARIANGELA BARRETO-
POESIAS E DELIRIOS
CapaCapa TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Existe uma urgencia dentro de mim
não tem começo, nem meio, nem fim
é uma urgencia faminta,
um poço sem fundo
um trovão em noite escura
se desdobrando, rompendo, anunciando...

Não dá pra decifrar, iluminar ou salvar
então simplesmente corro demais
sem direção, sem olhar pra trás,
sou noé sem arca,sem nave ou navio
não posso ficar não dá pra parar
é hora de ir, preciso partir
chegou o momento
o tempo acabou
agora é mudar
evoluir..continuar
seguir... 
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 26/02/2017
Alterado em 26/02/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.