MARIANGELA BARRETO-
POESIAS E DELIRIOS
CapaCapa TextosTextos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Expectadora do drama, recorto o texto
revejo e releio as falas, as peças, a dor
me permito olhar a superficie,
sem devaneio,
sem sequer imaginar  que se mergulho
eu tudo posso, eu tudo sou...

Mas desvio o pensamento,quase me mato
retorno sem vida, sem alma, fragil ser
lancei-me imaginando ser tão forte 
tombei ferida, de cara com a morte...

Na roda de samsara então eu renasço 
folego a folego,eu sinto muito medo
perdida em cavernas vagando entre sombras
a luz me encontra, a luz me vê a luz me resgata 
então me recordo, então eu me entrego,eu vou,
agora eu sei que tudo posso,agora eu sei que tudo sou...
Mariangela Barreto
Enviado por Mariangela Barreto em 02/02/2017
Alterado em 16/08/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.